Case de sucesso

Primeiro provedor de IAAS na Argentina

FacebookTwitterLinkedIn
Capítulo 1
A históRIA
Gigared cria a primeira plataforma de autoprovisionamento da Argentina, junto com a NubeliU. Chamada Gigacloud, a tecnologia permite aos clientes adquirir e gerenciar seus próprios servidores online na nuvem

100%

do sistema é autogerido pelos usuários

90%

é a taxa de satisfação dos clientes

empresa na Argentina a oferecer autoprovisionamento

A Gigared é uma empresa de telecomunicações que oferece serviços de TV a cabo, acesso à internet, data center, transmissão de dados e telefonia, e cobre as principais cidades do litoral argentino, desde o norte do país até Buenos Aires. Desde a sua fundação, em 2001, a Gigared tem se destacado por seu foco em inovação e por ter sido uma das primeiras a oferecer serviços conjuntos de internet banda larga e TV a cabo para clientes residenciais. Algum tempo depois, manteve-se na vanguarda, incorporando à oferta a telefonia IP, transformando-se em uma das primeiras empresas argentinas e da América do Sul a oferecer o serviço denominado “Triple Play” (Televisão + Internet + Telefonia).

Em 2016, após analisar a evolução da tecnologia e o avanço das soluções em nuvem, a Gigared detectou que na Argentina não existia nenhuma empresa que oferecesse o serviço de autoprovisionamento sob demanda – ou seja, não havia nenhum provedor local de infraestrutura como serviço (ou IaaS, na sigla em inglês).

“Diante dessa carência, decidimos criar a ‘Gigacloud’, uma ferramenta que permite que os clientes gerem e administrem o próprio servidor na nuvem, de forma dinâmica e intuitiva”, explica Federico Bassa, gerente comercial corporativo da Gigared.

“A infraestrutura da ‘Gigacloud’ é flexível para entregar serviços de nuvem pública tanto para startups quanto para pequenas, médias ou grandes empresas. A tecnologia utilizada permite que o cliente consuma serviços em nuvem de forma ágil e rápida, e ao mesmo tempo tenha controle total da infraestrutura adquirida”, adiciona.

“A TECNOLOGIA UTILIZADA PERMITE QUE O CLIENTE CONSUMA SERVIÇOS EM NUVEM DE FORMA ÁGIL E RÁPIDA, E AO MESMO TEMPO TENHA CONTROLE TOTAL DA INFRAESTRUTURA ADQUIRIDA”

Capítulo 2
A Solução
Devido à flexibilidade e à escalabilidade que oferece, a plataforma de virtualização escolhida foi o OpenStack

Para seguir adiante com o projeto Gigacloud, a companhia precisava de um parceiro estratégico com experiência e capacidade para desenvolvê-lo. Após avaliar diversas empresas, escolheu a NubeliU, uma empresa especializada em projetos de computação em nuvem e OpenStack do grupo Logicalis. “Um dos fatores determinantes para a escolha da NubeliU foi o conhecimento e a qualidade do serviço de suporte. Outro elemento de destaque foi a sua experiência em projetos de OpenStack, já que acreditamos que essa tecnologia nos permitiria entrar em um mercado que até aquele momento era liderado apenas por grandes empresas internacionais”, comenta Bassa.

A Gigacloud foi projetada com base em dois conceitos: o autoprovisionamento mediante integração com um gateway de pagamento e um serviço 100% administrável pelos usuários finais, por meio de uma interface web simples e intuitiva.

O OpenStack, um software livre e de código aberto, foi a escolha como plataforma de virtualização. A decisão deve-se, por um lado, pela flexibilidade que o OpenStack oferece aos usuários finais, graças ao dashboard customizado, e, por outro, à escalabilidade da plataforma para poder crescer verticalmente de forma simples e rápida, se adaptando aos requerimentos do mercado. Isso permite que os usuários finais cresçam horizontalmente de forma muito simples, executando instâncias virtuais simultaneamente.

A Gigacloud utiliza um hipervisor opensource, que oferece virtualização com baixo custo sem incorrer em gastos de licenças tradicionais e permite que a empresa se posicione como uma alternativa mais competitiva para os clientes. Já a infraestrutura que suporta a Gigacloud está hospedada no data center próprio, na cidade de Buenos Aires, o que garante os mais altos padrões de segurança e permite manter controle total sobre suas funcionalidades.

Graças às suas características, a plataforma é facilmente escalável conforme cresce a demanda por parte dos clientes – com isso, a Gigared pode investir em hardware e software sempre que necessário, de acordo com o uso real. Por meio de painéis de controle gráfico e numérico, é feito um monitoramento constante da utilização e do funcionamento dos servidores, permitindo a detecção precoce de falhas ou inconvenientes, e evitando que isso afete ou interrompa o serviço oferecido.

“UM DOS FATORES DETERMINANTES PARA A ESCOLHA DA NUBELIU FOI A SUA EXPERIÊNCIA EM PROJETOS DE OPENSTACK”

Capítulo 3
Os benefícios
A plataforma vem atendendo às expetativas dos clientes, dos quais mais de 90% não têm reclamações

A importância do modelo

A plataforma vem atendendo tanto ás expectativas da própria Gigared, que pretendia atender às demandas dos clientes por um tipo de serviço até então inexistente na região, quanto dos próprios clientes. Desde o lançamento, o serviço é 100% autogerido pelos usuários, desde o momento da contratação, com taxa de satisfação dos clientes de mais de 90%, sem reclamações.

Além, disso, dois anos após o lançamento, a plataforma oferece opções muito mais amplas que as oferecidas inicialmente e continua melhorando e somando ferramentas para ampliar o leque de possibilidades para os clientes.

“Diante dessa carência, decidimos criar a ‘Gigacloud’, uma ferramenta que permite que os clientes gerem e administrem o próprio servidor na nuvem, de forma dinâmica e intuitiva.”

Federico Bassa